Posts Tagged ‘Snake Week

13
Ago
09

Mega Snake (2007)

2458161110_a36153bcdb

Que mega-hiper-ultra-bomba-super sucesso de filme. E foi feito directamente para as telas de televisão. Assistimos a uma obra de impacto profundo. Em primeiro lugar, o que se vê no poster( tirando a cobra) nada aparece no filme. Photoshop a bombar. Depois temos uns fervorosos seguidores de uma igreja que para provarem a sua fê, decidem pegar em cobras venenosas e mostrar que nada receiam, algo corre mal e o patriarca da famelga ganha um bilhete de ida para a quinta das tabuletas. Eis então que os dois filhos machos, um com o vício da igreja no corpo e o outro bombeiro, levam a vida normalmente e o tarado religioso, decide numa compra ilegal de snakes a um indio, roubar-lhe um especíme em vias de extinção, mas antes do roubo, explica-lhe que nunca se deve soltar a bicha, nunca lhe dar nenhum ser vivo como alimento e acima de tudo se algo correr mal, apelar ao coração do animal. Eis que este desgraçado solta a bichita e é logo a crescer para o dobro, depois come o gato, as galinhas, o cão, a mãe, o irmão religioso, uma familia de campistas, a bófia lá do sitio, dois caçadores de víboras, 3 ganzados, metade do povo que viajava na montanha russa e se não a matassem acho que o regional das 4:20 da Beira Baixa marchava também. Um espectáculo a não perder. De Tibor Takács, com Michael Shanks, Siri Baruc, Michal Yannai, Ben Cardinal, John T. Woods, Todd Jensen e Nick Harvey.

Eu queria ser como The Hoff no Nick Fury, mas pelos vistos vou ser papado pela snake

Eu queria ser como The Hoff no Nick Fury, mas pelos vistos vou ser papado pela snake

Mais vale ver o programa do Goucha


Reblog this post [with Zemanta]
12
Ago
09

New Alcatraz aka Boa (2001)

12,000 feet below the Antarctic ice, it lays in wait.

12,000 feet below the Antarctic ice, it lays in wait.

Para aqueles que estão a pensar porque este filme se chama New Alcatraz, a razão é simples. Escondendo o seu projecto de diversos governos, é construida na Antártida uma prisão inexpugnível, donde são encarcerados os piores criminosos. Ora, num projecto de escavação da mesma prisão, é  encontrada uma bolsa de nitrogénio, onde reside uma Boa gigante e com umas intenções não muitos amistosas. Provavelmente ja estarão a imaginar o que irá acontecer à malta que faz uso desta choça. cheio de algumas cenas delirantes (honestamente o final vai ficar na memória), este é mais um capítulo da nossa snake week. De Philip J. Roth, com Dean Cain, Elizabeth Lackey, Mark Shepard, Grand L. Bush, Dean Biasucci, Craig Wasson e Richard Tanner.

acho que aqui aqui tenho entalado um joelho ou tornozelo do the Hoff.

acho que aqui aqui tenho entalado um joelho ou tornozelo do the Hoff.

Vale a pena deixar de ver a bola e a caneca da cerveja a aquecer para ver isto


Reblog this post [with Zemanta]
11
Ago
09

Anaconda 4: Trail of Blood (2009)

anacondatrailbloodb

Bigger, Faster, Hungrier

Mais do mesmo. mas será que no Sci-Fi Channel toda a gente é vegetal? Quer dizer se a Anaconda 3 foi o que foi, o que acham que vai ser esta? É claro que ainda pior, derivado a que é mais do mesmo, mas pior. Pelo amor de Deus, não façam coisas destas. Façam coisas agradáveis a vista. Aqui, temos mais uma anaconda a tentar fazer das suas nos Sates. Esta anaconda ainda por cima têm o poder de se regenerar ( ai jasus, onde isto vai parar? Vai deflecrir Balas?). A serio, se não tiver mais nada que fazer, veja por sua conta e risco. mas acredite, que nós aqui na redacção ainda estamos a Valium derivado a depressão que este filme provocou. De Don E. FauntLeRoy (comete harakiri, please), com John Rhys-Davies, Crystal Allen, Calin Stanciu, Anca-loana Androne e Ana Ularu.

The Hoff é indigesto. Já o cabrei

The Hoff é indigesto. Já o cabrei

uwe-boll-finger-thumb-476x4702

Reblog this post [with Zemanta]
10
Ago
09

Anaconda III – The Offspring (2008)

poster_anacondas3dvdimage

Pois é, com a crise que atravessamos e para poder comer mais umas hamburgers com sabor a alcatifa, eis que o Sr. “Justiceiro” David Hasselhoff aceitou o papel de mercenário nesta entrega exclusiva do SyFi. A meu ver, deviam era estar quietinhos e deixar o cinema para quem sabe, mas com o the Hoff em ecrã, até um filme de Ed Wood é clássico. Torna-se umatarefa ingrata ver este filme,  mas como aqui o povo da redação até gosta do senhor Hoff, nos estamos para tudo. Já que se nota que a anaconda é tão verdadeira, como a baixa dos impostos, esperamos para breve noticias do nosso primeiro ministro a anunciar a mesma. Sem sombra de duvida que passamos hora e meia da nossa vida desperdiçada ao ver este clássico, poderão dizer alguns, mas the Hoff é de Hoff, e ele é um senhor com H grande. Aguardamos que futuramente esta pérola vá povoar as tardes da nossa TVI. De Don E. FauntLeRoy, com John Rhys-Davies, Crystal Allen, Patrick Regis e Anthony Green. A ver se for fã de The Hoff.

Meu Deus, que Hamburger que esta cobra não dava

Meu Deus, que Hamburger que esta cobra não dava

uwe-boll-finger-thumb-476x470

Reblog this post [with Zemanta]
09
Ago
09

Anacondas: The Hunt For The Blood Orchid (2004)

The hunters will become the hunted.

The hunters will become the hunted.

Mais uma sequela  das cobras gigantes. Aqui, uma equipa de cientistas decide começar a fazer turismo no bornéu à procura de uma orquidea que sócresce nesta região, orquidea essa que permite através das suas propriedades, combater vários tipos de doença. Mas eis então que aparece a cobra, que se delicia com a chicha nova que por ali anda. Cheio de algumas escenas de encher o olho e com um final deslumbrante, onde descobrimos o ninho onde vivem, sem exagero, algumas 20 anacondas gigantes e onde está a orquidea (logo por azar), Anacondas: the Hunt for the Blood Orchid, é de visionamento obrigatório a todos os amantes de filmes de cobras. De Dwight L. Little, com Johnny Messner, KaDee Strickland, Matthew Mardsen, Nicholas Gonzales, Eugene Byrd e Karl Yune.

Oh não. Viemos parar as filmagens do Expendables

Oh não. Viemos parar as filmagens do Expendables

Vale a pena deixar de ver a bola e a caneca da cerveja a aquecer para ver isto


Reblog this post [with Zemanta]
08
Ago
09

Anaconda (1997)

You can't scream if you can't breathe.

You can't scream if you can't breathe.

O que dizer de Anaconda. Ok, a cobra é grande como o raio. A mãe ainda é maior. A bicha come um gajo inteiro, cospe-o e o tipo ainda pisca o olho. Eu sei que se no filme entrasse o Chuck Norris, só com Roundhouse Kick, a cobra voltava para o útero da mãe. Mas não entra. Ora, uma tripulação decide fazer uma expedição pelo Amazonas e entretanto apanham um tipo pelo caminho. Mais tarde vimos a descobrir que ele quer capturar uma anaconda gigante para ganhar uns patacos para se reformar e ir jogar no Casino Estoril (digo eu). Mas a nossa amiga é esperta e não se deixa apanhar tão facilmente. Tem um problema, agarra-se às pessoas e dá-lhes um abraço tão forte que lhes parte os ossos. Ora a heroina de serviço, não gostando da brincadeira, chumba a cabeça da anaconda com dois tiritos de caçadeira. E dizem voçês, tão facil? Eis então que aparce a mãe da anaconda, que é só para aí quatro vezes maior. Depois é verem o filme para saberem como acaba. De Luis Llosa, com Jennifer Lopez, Ice Cube, Jon Voight, Eric Stoltz, Jonathan Hyde, Owen Wilson, Kari Wuhrer e Danny Trejo.

Oh não, não me escolheram para o The Expendables

Oh não, não me escolheram para o The Expendables

Vale a pena deixar de ver a bola e a caneca da cerveja a aquecer para ver isto


Reblog this post [with Zemanta]
07
Ago
09

Vipers (2008)

First Comes The Slither, Then Comes The Slaughter.

First Comes The Slither, Then Comes The Slaughter.

Mais um filme de uma das nossas colecções preferidas. A Maneater Series apresenta Vipers. Como já devem estar a desconfiar isto deve ter a ver com cobras. Pois é, pegam na cobra mais venenosa  e alteram-lhe o veneno para ser 4 vezes mais letal. E o motivo? Para a cura do cancro da mama. Para aqueles que já devem estar a esfregar as mãos a pensar que irão ver seios à fartazana, esqueçam. Por ordem de alguém, procede-se à tentativa de rapto das cobras, mas uma bala perdida destroi o aquário onde elas viviam pacificamente. Elas dão a sola e vão passear até uma ilha onde vivem umas quantas familias, descansadamente. Quer dizer, existem divórcios, filhas que fogem e se escondem em estufas onde se criam plantas de cannabis e onde se aproveita para mandar uns bafos em 3 ou 4 charritos. Como eu disse, aldeia normal até à chegada das nossas amigas rastejantes. Eis então que os corpos humanos começam a ser carne de pasto para os bichitos. É um autentico banquete e elas que ao principio eram umas 7, passam imediatamente para umas 700 000. Ora para salvar o resto da pátria, o governo dos U.S., bem ao seu estilo, manda caças para destruir o vilarejo. O povo nada contente, tenta matá-las. E como? Simples: lembram-se da estufa da cannabis? Então levam as cobritas para lá, metem gasolina por todos os cantos, mais um pouco de estrume, para dar consistência e com a explosão (que fez corar o Michael Bay) mais o bafo de cannabis, eis que as bichitas vão de vela…ou será que não?. É ver para crer. De Bill Corcoran, com Tara Reid, Jonathan Scarfe, Corbin Bernsen, Aaron Pearl (um acostumado da Maneater Series), Genevieve Buechner e Don S. Davis.

Ouvi dizer que havia por ai um charrito, onde tá

Ouvi dizer que havia por ai um charrito, onde tá

Vale a pena deixar de ver a bola e a caneca da cerveja a aquecer para ver isto


Reblog this post [with Zemanta]



Maio 2017
S T Q Q S S D
« Mar    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

Useful Links