07
Maio
09

Lifeforce (1985)

2rep36r

In outer space they unleashed a force more evil than the world had ever imagined!..

A raça humana, farta de andar a pastar por céu, terra e mar, decide ir para o espaço. Depois lembram-se de ir ver de perto o cometa Halley. Encontram uma nave alienígena, que alberga no seu interior, montes de cadáveres afiambrados e três figuras humanóides, dois machos e uma fêmea. Decidem trazer os mesmos para o planeta terra. Mas vimos a descobrir que são vampiros. Vampiros que não chupam sangue, mas sim a nossa energia vital. Ficam como o Arnold Vosloo na múmia. Depois atrás de outros humanos para lhe sacar a energia ou então explodem num monte de areia. Isto é o argumento de Lifeforce. Com um argumento destes, é claro que ficamos com vontade: ou de ver o filme do princípio ao fim sem pausas para o xixizinho ou então de cortar os pulsos e meter-nos numa banheira de água quente. Aconselho a primeira, já que amo a vida e o filme é divertido, nem que seja para ver a alienígena nua. Mas honestamente isto parece o Poltergeist no espaço. Tobe Hooper não soube inovar, embora por vezes o filme nos surpreenda. Com Mathilda May, Patrick Stewart, Steve Railsback, Peter Firth, Frank Finlay e Nicholas Ball

Vale a pena deixar de ver a bola e a caneca da cerveja a aquecer para ver isto


Reblog this post [with Zemanta]
Anúncios

0 Responses to “Lifeforce (1985)”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


Useful Links


%d bloggers like this: